Código aberto: “top 10″ de aplicativos multiplataforma em 2009

Listas de “top 10 softwares” criadas a partir das opiniões de uma única pessoa costumam ser vistas como tendo sério vício, mas a lista dos “top 10″ aplicativos publicada pelo Nixcraft chamou minha atenção por um aspecto interessante: todos os aplicativos mencionados possuem razoável reputação como multiplataforma, levando assim a alternativa do código aberto também aos usuários de Windows, Mac OS X e outros sistemas.

A lista inclui alguns softwares que eu mesmo uso quase diariamente (VLC, Gimp, Audacity, Virtualbox), outros que me pareciam ter mais popularidade fora dos desktops de código aberto (Miro, TrueCrypt), e ainda um adendo, como se fosse uma lista extra em honra ao mérito de um conjunto de softwares melhor conhecido pelo público técnico, como Firefox, OpenOffice e nmap(!).

Post Original

Nova versão da distribuição multimídia juntaDados

Enviado por Marcelo Soares Souza (marcelosoaressouzaΘgmail·com):

“Distribuição Multimídia GNU/Linux juntaDados 1.04r2 (29 de Dezembro de 2009): Um Sistema Operacional completo e livre baseado no GNU/Linux que busca simplificar e facilitar atividades de produção Audiovisual e de desenvolvimento de Software pelos Pontos de Cultura e ações de Inclusão Digital. Esta Distribuição GNU/Linux possui as principais ferramentas livres para escritório, produção de contéudo de Audio, Video, Imagem e Texto além de ambiente completo de desenvolvimento de Software em Python, Ruby, C/C++, Java e PHP e muito mais. Esta Distribuição foi baseada, inicialmente, na distribuição Ubuntu 9.04 (Jaunty) porém com muitas novidades. Esta pode ser utilizada no modo LiveCD (Inicialização direta pelo DVD) ou também pode ser completamente instalada no seu Computador. Oferece interface simples, amigável e voltada para as atividades dos Pontos de Cultura e afins. Esta versão possui atualizações das principais ferramentas assim com correção de pequenos erros encontrados e relatados pelos usuários. Mais informações sobre essa nova versão e instruções de como baixar por Torrent em: http://www.juntadados.org/distro_juntadados

Quem somos? Pontão de Cultura Digital da Bahia sediado na Universidade do Estado da Bahia (UNEB), conveniado pelo Ministério da Cultura no final de 2008 e tendo iniciado suas atividades em Janeiro de 2009. A Distribuição GNU/Linux juntaDados é um dos diversos produtos desenvolvidos pela equipe do Pontão que busca facilitar a produção e difusão de produções audiovisuais com ferramentas livres.

Visite nosso a Plataforma Web juntaDados para mais informações http://www.juntadados.org” [referência: juntadados.org]

Post Original

Spam: CGI.br determina bloqueio da porta 25 (smtp) a partir de janeiro

Segundo a cobertura no UOL Notícias, o Comitê Gestor da Internet no Brasil está divulgando que espera reduzir o tráfego de spam em até 90%. Para isso, empresas como Telefônica, Oi e Net vão atender à determinação de bloquear os dados transmitidos pela porta 25.

Enviado por Alexandro Silva (alexoslabsΘgmail·com):

“Para evitar a disseminação de spam, o Comite Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) determinou o bloqueio do “local” por onde grande parte dos e-mail falsos são enviados, a porta 25 de seu computador. O bloqueio ocorre no dia 5 de janeiro de 2010.

Se você usa programas de gerenciamento de e-mails —como o Outlook, Thunderbird ou Mail— para não ficar impedido de mandar mensagens, a porta de envio deve ser trocada de 25 para 587. Usuários apenas de webmail não serão impactados.

“Com a implementação das recomendações, será mais difícil para que computadores zumbis sejam utilizados para o envio de spam, pois além de necessitar de um usuário e senha para utilizar o serviço de e-mail, ele ainda deverá burlar os possíveis controles antispam existentes no serviço mencionado”, diz Nelson Novaes, gerente de segurança do UOL.

A medida não é nova, órgãos internacionais aconselham o bloqueio da porta 25 desde 1998, mas apenas em 2005, provedores e operadoras de todo o mundo começaram a adotá-la em massa. O UOL oferece o acesso pela porta 587 desde 2004. Leia mais em UOL-Noticias” [referência: blog.alexos.com.br]

Post Original

Entrevista: Carlos “Coringão” Donizete, do Ubuntu Games

Enviado por Paulo Kretcheu (kretcheuΘgmail·com):

“Entrevista no Kretcheu Vídeo Blog, com Carlos Donizete, o Coringão, criador do Ubuntu Games. Ele conta o que é o projeto, como surgiu e muito mais.” [referência: kretcheu.com.br]

Post Original

Convertendo vídeos para celular e MP4/5/6/n

O script está disponível na íntegra no link de referência, e funcionará como facilitador da tarefa (sempre gerando arquivos nas mesmas dimensões e qualidade definidas no script) onde o mencoder e os codecs necessários estiverem instalados.

Coreplayer no celular

Enviado por Tales A. Mendonça (talesamΘgmail·com):

“Algum tempo atrás criei um script, em texto, para converter vídeos (diversos formatos) para rodar em celular. Mas depois fiz umas adaptações e o script passou a converter vários tipos de arquivos de vídeos para um tamanho e qualidade(som e imagem) especificada. O script é bem simples mas funciona muito bem.

Cheguei a iniciar uma interface gráfica (GUI) para o script em kdialog, mas não cheguei terminar. Caso alguém queira dar continuidade, posso disponibilizar o fonte. Formatos testados: 3gp, asf, avi, mpg, mpeg, ogv, ogg, wmv, flv. ” [referência: tales.linuxhard.org]

Post Original

XMind: Organize suas metas para o ano novo

Enviado por Pablo Garrido (pablo·garridoΘespacointegral·com·br):

“”Geralmente, quando chegamos ao final de um ano, traçamos alguns planos para o ano que virá. Uma forma muito interessante de planejar e organizar suas metas para o ano novo é através de mapas mentais ou mind maps.

O software XMind, além de excelente é opensource, e permite criar e publicar mapas mentais, com diversos recursos e formatos de diagramas. Não apenas para organizar suas metas para o próximo ano, o XMind tem recursos para você rascunhar e desenvolver suas idéias, criando links e relacionamentos entre planos, projetos e as mais variadas tarefas!”” [referência: espacointegral.com.br]

Post Original

Banda Larga pública: Ministério do Planejamento diz que anunciará programa em janeiro

O ministro do Planejamento informou nesta terça-feira que anunciará em janeiro um programa de popularização da banda larga no Brasil, usando todas as fibras ópticas que compõem a rede Eletronet. “A internet é uma dívida que o País tem”, disse, ao participar do programa “Bom Dia Ministro”.

Ele lembrou que o governo ganhou na Justiça o direito de assumir o controle de toda a fibra óptica não utilizada e que estava sob a gestão da massa falida da Eletronet. “Tem uma rede de fibra ótica ao longo das linhas de transmissão em todo o Brasil, cerca de 17 mil quilômetros, e vamos começar o trabalho no primeiro semestre para colocar esta rede para funcionar”, disse.

Segundo o ministro, a ideia é oferecer banda larga a instalações públicas como escolas e hospitais, mas o governo poderá permitir que provedores de internet usem a rede, pagando pela exploração, para oferecerem banda larga em pequenas cidades. “Hoje a banda larga não é larga, é meio larga, é banda estreita, é caríssima e não é oferecida em todo território nacional. Seria importante que as empresas atentassem que há um grande mercado potencial de consumidores em todo Brasil que pode ser atendido. Elas podem explorar isso com muito mais ousadia do que fazem hoje”, argumentou.

O ministro contou que quando viaja para localidades como Salvador ou Barra da Tijuca, no Rio, o modem da sua banda larga fica em 10% da velocidade prometida pela empresa. O ministro disse ainda que fora dos grandes centros, a internet ainda é acessada por linha discada, sendo obrigada a compartilhar o espaço de voz.

“Nós não queremos ocupar o espaço das empresas. Nós queremos que a banda larga seja oferecida para todo País. O que não pode é as empresas não oferecerem o serviço e acharem que o governo também não pode”, afirmou. (…) (via ultimosegundo.ig.com.br)

Saiba mais (ultimosegundo.ig.com.br).

Post Original

Simply Linux: distribuição russa chega ao Brasil

Enviado por Angelito Monteiro Goulart (angelitoΘaltlinux·com·br):

“Simply Linux é uma distribuição Linux Russa, importada para o Brasil através da empresa Alt Linux. É extremamente leve, pois utiliza como gerenciador de janelas o XFCE, tem um belo visual e é bastante fácil de se utilizar. Requer apenas um Pentium III com 256Mb de ram para rodar. Vem com todos os softwares necessários para o uso diário, o que torna o Simply Linux uma ótima opção para o uso doméstico, em pequenas empresas e escritórios.” [referência: altlinux.com]

Post Original

SheevaPlug: servidor doméstico Debian em um transformador – artigo traduzido

Enviado por Julio Cesar Bessa Monqueiro (julioΘgdhpress·com·br):

“Tradução por Roberto Bech, de mais um DistroWatch Weekly, o último de 2009. O artigo fala aquele computadorzinho do tamanho de uma fonte antiga, que carrega um Debian dentro dele, explorando as aplicações práticas:

“Eu sempre me interessei por hardware exótico. Tenho um passado com eletrônicos, e por isso eu geralmente acho o hardware de computadores “comuns” um tanto entediante. Gosto de experimentar coisas que fujam à regra. Por isso fiquei muito empolgado quando soube do Marvell SheevaPlug movido a Linux, e o encomendei na mesma hora na GlobalScale Technologies por apenas 99 dólares. Minha intenção era substituir meu servidor doméstico velho e papador-de-energia por esse dispositivo pequeno e de baixo consumo energético. Por Patrick Van Oosterwijck”

Leia o artigo em: http://www.guiadohardware.net/artigos/sheevaplug/” [referência: guiadohardware.net]

Post Original

Crackers mostram que grampear celular GSM é mais fácil do que se pensa

Os celulares que utilizam o modelo de comunicação GSM, usados pela maioria das pessoas no mundo, podem ser grampeados com apenas alguns milhares dólares de hardware e algumas ferramentas gratuitas e com código aberto, segundo pesquisadores de segurança de computadores.

Em uma apresentação realizada nesta semana na Chaos Communication Conference em Berlim, na Alemanha, o pesquisador Karsten Nohl disse ter compilado 2 terabytes de dados que podem ser usados como um tipo de agenda telefônica reversa para identificar a chave de codificação utilizada para preservar o sigilo de conversas ou mensagens de texto em uma linha GSM.

ERB GSM

A falha está no algoritmo de codificação usado pela maioria das operadoras. É uma cifra de 64 bits chamada A5/1 e é simplesmente muito fraca, segundo Nohl. Usando as informações dele e empregando antenas, softwares especializados e 30 mil dólares em hardware de computadores para quebrar a cifra, uma pessoa pode violar a codificação em tempo real e ouvir as ligações, segundo Nohl.

(…) Um porta-voz da associação GSM disse que o grupo irá avaliar as descobertas do pesquisador nos próximos dias e alertou que em muitos países o grampo de linhas de celular é ilegal. (via idgnow.uol.com.br)

Saiba mais (idgnow.uol.com.br).

Post Original

Supostas especificações técnicas do netbook do Google surgem na Internet

Antes de continuar a leitura, faço um alerta: rumores são rumores, e vice-versa. O texto abaixo trata de *supostas* especificações.

Logo após a primeira demonstração do Chrome OS [com lançamento previsto para o último trimestre de 2010], seu sistema operacional otimizado para netbooks, surgiram rumores que o Google estaria desenvolvendo não só o sistema, mas também uma máquina feita “sob medida” para rodá-lo.

Em parte, tais rumores foram motivados por declarações da própria empresa, que afirma que o Chrome OS não estará disponível para download, mas virá pré-instalado em portáteis de “diversos fabricantes” (como o sistema Android em smartphones) e pelo recente surgimento do “Nexus One”, já apelidado de “o smartphone do Google”.

Pois agora surgem na internet as supostas espeficiações técnicas de tal netbook. Segundo o jornal International Business Times, o “Googlebook” teria em seu coração um processador NVIDIA Tegra (baseado na arquitetura ARM) de baixo consumo e otimizado para reprodução de mídia, acompanhado de 2 GB de RAM, interfaces de rede wi-Fi, 3G, Ethernet e Bluetooth, uma tela de 10.1 polegadas e 64 GB de espaço em “disco” em uma unidade SSD. (…)(via tecnologia.ig.com.br)

Saiba mais (tecnologia.ig.com.br).

Post Original

Continuam os rumores de um celular Android com a marca Google no mercado – e agora temos uma data

Cresce o rumor do lançamento iminente de um celular Android com a marca Google. Agora até há uma data! Daqui a uma semana veremos se é realidade ou não, e – caso seja – o que o Google terá feito para que as empresas parceiras que também usam o Android em aparelhos celulares se irritem menos…

O Google afirmou que realizará uma entrevista coletiva sobre suas operações com smartphones na próxima semana, diante de contínuos rumores de que a gigante da internet está se preparando para vender um aparelho que leva sua marca. A companhia enviou por e-mail convites para o evento no dia 5 de janeiro, que foi descrito à mídia nesta terça-feira somente como “um encontro da imprensa com o Android”.

O Android, sofware gratuito do Google, é usado atualmente como o sistema operacional em smartphones vendidos por marcas como Motorola e Samsung. Os telefones Android, que podem navegar na internet e executar jogos, concorrem com o iPhone da Apple e outros smartphones.

No início de dezembro, uma fonte disse à Reuters que o Google começaria a vender seu próprio telefone em 5 de janeiro. A fonte afirmou que o aparelho estaria disponível para compra através de um acordo entre o Google e a T-Mobile USA, da Deutsche Telekom, ou em modo não-bloqueado, no qual os consumidores podem escolher a operadora. (via g1.globo.com)

Saiba mais (g1.globo.com).

Post Original

Contra pornografia, governo chinês fecha site de direitos humanos

Enviado por Herbrrson Da Silva (vonnaturΘgmail·com):

“Pequim (China) – As autoridades chinesas tiraram do ar o site de direitos humanos China Voz do Povo (www.chinavoice.org) como parte de sua mais recente campanha “anti pornográfica”, denunciou nesta terça a ONG Chinese Human Rights Defenders (CHRD), em comunicado.

A página foi suspensa em 22 de dezembro, depois do Ministério de Indústria e Tecnologias da Informação considerar que o portal abrigava conteúdos pornográficos. Segundo CHRD, não é a única página favorável aos direitos humanos que foi cancelada nas campanhas do Governo sob pretexto de abrigar conteúdos pornográficos, mas esta anomalia é frequente.

(…) Na China estão censuradas as páginas de direitos humanos, as de ativistas tibetanos e uigures, o portal de vídeos YouTube e redes sociais como Facebook e Twitter.” [referência: odia.terra.com.br]

Post Original

Samba 4 a caminho: Active Directory atinge a maturidade

Enviado por Tércio Martins (tercioΘpop·com·br):

“Traduzido do blog oficial do Samba:

“Já se trabalhou por mais de cinco anos no código do Samba 4, e a parte do Active Directory atingiu um estágio em que está sendo executada em produção em vários locais de testes.”

Com isso, a equipe do Samba estabeleceu a meta de, nos próximos meses, pegar os códigos do Winbind e do servidor de arquivo existentes no Samba 3 e mesclar com o novo código do Active Directory, para assim criar uma versão estável do Samba 4.

No informe, a equipe de desenvolvimento também cita que o Samba 3.5, a ser lançado no início de 2010, terá suporte ao novo protocolo de rede suportado pelo Windows 7, o SMB2.

Tudo isso, e muito mais, no informe oficial.” [referência: news.samba.org]

Post Original

15 momentos cruciais do desktop Linux nos anos 00

Este artigo do TechRadar apresenta uma seleção de 15 fatos que ocorreram entre 2001 e 2009 e teriam ajudado a moldar a realidade do desktop livre.

O artigo é extenso e razoavelmente detalhado, mas para dar um gostinho reproduzo e comento alguns dos momentos mencionados:

  • kernel Linux 2.4 (01/2001) – foi meu primeiro artigo de capa na saudosa Revista do Linux, contando com o luxuosa apoio técnco do acme, que até hoje continua atuando como desenvolvedor do kernel.
  • lançamento dos drivers da NVidia (05/2001) – faz tanto tempo, e até hoje é uma situação não completamente resolvida – parte do público valoriza o suporte do fabricante ao seu equipamento no Linux, enquanto outra parte critica pela forma, licenciamento e ausência de outros passos também interessantes.
  • SCO processa a IBM por causa do Linux (março de 2003) – a princípio uma grande e assustadora nuvem de fumaça, mas foi ficando mais tênue, e – dizem – ajudou a atrair atenção corporativa para este software que causava tanto barulho.
  • Ubuntu Warty (10/2004) – outro acontecimento que até hoje divide opiniões. Confesso que quando soubre, em 2004, do lançamento desta versão inicial do Ubuntu, achei que era “só mais um fork” e logo sumiria.
  • Firefox 1.0 (11/2004) – esta foi a época do anúncio de página inteira no NY Times, e de o Firefox alcançando níveis de adoção previamente nunca vistos por softwares de código aberto.
  • Mandrake vira Mandriva (4/2005) – traduzindo do original: “Mandrake Linux era o Ubuntu da sua época. Foi a distribuição que tornou o Linux viável para muitos de nós. Mas seu declínio continuado pode ser seguido de volta até este ponto, em que o Mandrake perdeu seu foco na comunidade, posteriormente descartou seu fundador, e se tornou marginalizado e superado por distribuições menores e mais dinâmicas.”
  • Asus Eee PC (2/2008) – o começo da revolução dos netbooks no mercado também deu início a vários impulsos para o código aberto, incluindo projetos como o Moblin e o Chrome.
  • Oracle anuncia que quer comprar a Sun (4/2009) – se conseguir, leva junto a estrutura de projetos como OpenOffice, MySQL, VirtualBox e Java.

Post Original

Gimp: composição, montagem e Lara Croft

Enviado por Rafael Junqueira (SahelBlender3DΘgmail·com):

“Noticiando um WorkShop que criei no seguinte endereço I WorkShop Gimp que demonstra de forma ilustrativa e descritiva os procedimentos de como criar uma composição ou montagem realista. Para isso fiz uso de Lara Croft e o cenário do Perfect Dark.

O trabalho está dividido em duas partes (Na parte 1 pode ser encontrado no final do post, o link para parte 2)

Assuntos abordados.

•Conceitos de camadas (Pra que servem e como criar)
•Conceitos de iluminação e cores
•Criação de sombras e reflexos
•E apontamentos de finalização” [referência: blender3dcarioca.wordpress.com]

Post Original

Ylmf OS: ressurge a idéia do “Linux com cara de Windows XP”

A cada semana parece surgir mais alguém acreditando que o ingrediente para o sucesso de algo que ele acredita, ou do seu próprio negócio, é oferecer uma distribuição de Linux que tenta initar, pixel por pixel, o visual e comportamento do Windows XP. Há mérito na idéia? Para quem desenvolve e distribui, sempre parece haver algo a ganhar. Mas eu não compraria um produto assim, embora não possa responder pelo mercado como um todo. Recomendo perguntar aos consumidores se eles gostam de receber um produto achando que estão recebendo outro, e se fariam um segundo negócio com quem lhes ofereceu isso, ou se continuariam a usar a cópia caso tivessem alternativa, antes de apostar algum tostão a longo prazo nessa idéia.

Mas sem dúvida há implementações curiosas baseadas neste “conceito”, e a que chegou mais recentemente ao meu conhecimento (via estimado @rafarigues) é o Ylmf OS, no qual “piratas” chineses que queriam evitar o risco de distribuir sem licença cópias do Windows XP resolveram dar um passo além(?) e pesadamente maquiar alguma versão do Ubuntu para que ele ficasse realmente bastante parecido com o familiar visual do Windows XP, recebendo aí um nome que lembra bastante algo que tenha sido dito por alguém amordaçado com 20cm de Silvertape.

Nem sempre uma imagem fala mais do que mil palavras, como recentemente fomos lembrados em um curioso episódio midiático de panetones do planalto central, mas neste caso específico eu acredito que vocês vão achar esta galeria de screenshots bem eloquente.

Post Original

Cria-Live: blog de screencasts do Gimp

Enviado por Milla Razgriz (millaΘogimp·com·br):

“Foi reativado hoje o projeto Cria-Live! O projeto se destina a armazenar toda a documentação em vídeo criada a respeito do uso e manobrabilidade do Software Gimp confeccionados por Razgriz, um dos principais colaboradores deste último no Brasil. O screencast de reativação explana sobre como realçar uma imagem adição de cores em planos opostos gerados pela inversão de valores de uma camada clonada. Bons estudos! ” [referência: crialive.wordpress.com]

Post Original

UFO: Alien Invasion disponibilizado no repositório Livre SO

Enviado por Djane Franco Dorneles (livreΘlivre·wiki·br):

“UFO: Alien Invasion é um jogo de estratégia baseado em turnos com características de combate tático onde você enfrenta forças alienígenas que estão prestes a invadir a Terra, comandando uma pequena unidade especial formada pela ONU para enfrentar as forças de ataque dos aliens causando o mínimo possível de baixas civis.

Para ser bem sucedido em suas missões, construa melhoramentos em suas bases, desenvolva tecnologias adquiridas dos aliens capturados em combate, compre aviões avançados e recrute os melhores soldados disponíveis.

Este jogo é inspirado no X-COM da Microprose e no UFO Defense, que se tornou um grande clássico. UFO: Alien Invasion não é um remake do UFO Defense, mas sim um game inspirado em seu estilo de estratégia para atender aos fãs deste grande clássico. (fonte:http://www.baixaki.com.br/download/ufo-alien-invasion.htm

Confira em:
http://livre.wiki.br/debate/index.php?topic=475.0
Veja o vídeo deste jogo em:
http://livre.wiki.br/jogos/?p=112” [referência: livre.wiki.br]

Post Original

Nexus One: um fone Android com a bênção especial do Google?

Os irmãos hype e buzz adoram se aproximar de onde há vapor, e pela intensidade da cobertura sobre o celular-fantasma Nexus One em sites especializados, vemos que este é dos bons, embora a essa altura ele já nem seja mais tão vaporoso – a dúvida remanescente é se (ou quando) ele de fato vai se tornar um produto disponível no balcão para os consumidores comuns, e em que condições.

O diferencial principal do Nexus One em relação aos demais Androidphones, para mim, é o fato de estar sendo tocado pelo próprio Google, com apoio de parceiros externos, e não o inverso, como é usual.

De qualquer forma, as especificações divulgadas (junto com o boato de que no começo ele só vai estar à venda por “convite”, mais ou menos como na época do lançamento do Gmail) são apetitosas, e a descrição um pouco mais completa de quem já “viu com a mão” o aparelho deixam pouca dúvida de que o “celular do Google” está mesmo um passo à frente dos demais celulares com Android: tela melhor, processador mais rápido, aproveitamento do fundo da tela como complemento à interatividade, alem de boa telefonia, boa câmera, som decente.

Claro que todo este buzz é intencional, e só saberemos mais sobre a comercialização quando os motoristas de buzz quiserem nos contar. Por via das dúvidas, estou adiando a compra de qualquer celular com Android por mais 42 dias até saber se a chegada do Nexus one será mais rápida que o esperado.

Saiba mais (engadget.com).

Post Original